Por favor configurar sua chave API!

Diário de Ilhéus

Notícias

Não existiram vitimas fatais. Ficaram as vitimas morais

Não existiram vitimas fatais. Ficaram as vitimas morais
agosto 22
07:24 2017

O incêndio ocorrido na rua do Mosquito, próximo ao Terminal Rodoviário de Ilhéus, na noite do último domingo, dia 20, não gerou vítimas fatais, mas ficou a constatação de que o fazer público dos gestores desta cidade não está preocupado com o capital humano, senão pagadores, porém geradores de impostos e assim mantenedores da coisa pública.
Aqui o poder público é parceiro da desgraça, mesmo quanto anunciada. Este, e os governos anteriores são negligentes. A ocupação irregular, tanto por parte dos que lá estão como pelos poderes públicos que não agem.
É uma ocupação irregular sim. As casas e os estabelecimentos comerciais similares estão instalados numa área de mangue e sobre a tubulação condutora do esgoto sanitário para a Estação de Tratamento da Embasa. Explosivo, mas conveniente.
Conveniente para qualquer gestão omissa. Não precisa remover ninguém, não precisa solicitar intervenção da Justiça, Não precisa se indispor quanto aos votos passados e futuros.
Por acaso a Prefeitura não dispõe de um setor posturas para fiscalizar e atuar a luz do seu Código de Posturas? Por acaso a Prefeitura não dispõe de uma Secretaria ou Departamento do Meio Ambiente de Ilhéus? Para autorizar ou não funcionamento de tais estabelecimentos? Se os estabelecimentos situados naquela localidade são clandestinos, o que e como os automóveis da frota municipal fazem sendo reparados em tais pontos?
A omissão vai além. Além existe uma comunidade, ao que parece invisível, tanto aos gestores municipais quanto ao Ministério Publico, atualmente calado, sobre o fato. Cabe lembrar que nos últimos cinco anos, Ilhéus recebeu mais de cinco mil moradias populares do programa Minha Casa, Minha Vida e, mesmo assim, conseguiu acabar com a presença de pessoas morando dentro de um manguezal, aos olhos das autoridades.
A ocupação já deveria ter sido extinta. É alto o grau de periculosidade para os habitantes, adultos, crianças, idosos, gestantes etc. Não é preciso relembrar que a desgraça preserva votos. Essa pode ser a razão para que nenhum governo enfrente a situação. Vamos esperar outro incêndio, vamos aguardar uma tragédia maior. Aliás, a a tragédia sempre esteve claramente anunciada.

Compartilhar

Sobre o Autor

diarioilheus

diarioilheus

Artigos Relacionados

0 Comentários

Ainda não há comentários!

Não há comentários no momento, você quer adicionar um novo?

Escrever um Comentário

Escrever um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados *

3 × 5 =

Edição Online

DI - Edição Online 01

Categorias

Agenda de Postagens

janeiro 2018
D S T Q Q S S
« dez    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Clima na região

Anunciantes